Resposta: Produtos com personalidade vendidos online.

escrito por Thiago, Friday, June 13th, 2008 8:05 am  Um comentário  Deixe seu comentário

Pergunta:Estou analisando um pouco das relações das pessoas com o comércio online e percebo q os produtos tecnológicos assim como livros e DVDs conseguem uma boa saída na web pq seus conteúdos já são conhecidos (de certa forma pelo menos) e as expectativa são mais garantidas. Produtos que são imbuídos de personalidade, como roupas e mobiliário. Já estudou alguma coisa sobre o assunto?

O Fernando enviou a pergunta acima e achei super interessante então vou tentar falar um pouco sobre novos setores de venda online que no futuro serão super comuns.

Vamos começar pelos EUA, lá o e-commerce deve crescer cerca de 20 a 30 bilhões de dólares anualmente nos próximos cinco anos, alcançando entre 215 e 335 bilhões de dólares em 2012, revelam pesquisas da Forrester Research e JupiterResearch. Em 2007, o comércio eletrônico não relacionado a viagens alcançou 175 bilhões de dólares, crescimento de 21% sobre 2006, segundo o levantamento U.S. E-Commerce Forecast.

Realmente comparando com nossos pouco mais  de 6 bilhões é outro universo.

Lá cerca de 88% dos consumidores dizem que já compraram algo pela web. Globalmente, mais de 85% dos internautas compram online, segundo a Nielsen. Estes mais de 85% do volume global são um total de 875 milhões de usuários, revelou o estudo Global Online Survey, da Nielsen Company.

O país que mais compra online – 99% dos usuários – é a Coréia do Sul. Em seguida, estão o Reino Unido, o Japão e a Alemanha, com 97% dos internautas comprando em lojas virtuais.

Mundialmente, os livros foram os itens mais comprados nos últimos três meses – 41% do total de produtos. O ranking segue com “Vestuário, acessórios e calçados”, com 36%; as categorias “Passagens aéreas” e “Vídeos, DVDs e jogos”, com 24%; e “Equipamentos eletrônicos”, com 23%.

A categoria que mais cresceu em vendas online nos últimos dois anos foi “Vestuário, acessórios e calçados”, passando de 20% para 36%. O número internautas que comprou livros no período cresceu 7%, com mais compradores de países em desenvolvimento – China, Brasil, Vietnã e Egito, por exemplo.

Na Índia, mais de 70% dos internautas comprou passagens ou fez reservas aéreas pela internet. Globalmente, um em cada quatro usuários comprou DVDs e vídeos pela web no último trimestre – o Reino Unido é o país campeão, representando 44% das compras totais da categoria.

Os cartões de crédito são a escolha de 60% da população mundial online para pagar suas compras na internet. Os campeões no uso deste método de pagamento são os turcos (91%). Os usuários que pagam com cartão de crédito, mais da metade – 53% – usam a bandeira Visa.

No geral, 60% dos internautas são fiéis às compras em um site com o qual estejam familiarizados. Um em quatro compradores usou recomendações pessoais para escolher uma loja virtual. Um terço preferiu motores de busca ou navegou para encontrar um portal.

Em minha visão existem 3 fases distintas do e-commerce em um país, a 1ª fase é o inicio da cultura de vendas online onde  os internautas aprendem comprar online com livros, cds ou dvds, a 2ª fase o país já com maior número de lojas ofertando produtos diversos a venda de eletrônicos e informática são os reis em vendas e temos a 3ª fase onde praticamente todos que tem acesso a web já compraram algo pela internet, isso faz com que as compras sejam cada vez mais constantes e diversas, é ai que entra a venda de produtos com personalidade como o Fernando perguntou.

Hoje no Brasil as categorias que mais vendem segundo o E-bit são: Livros/revistas 17%, Informática 12%, Eletrônico 9%, Saúde e Beleza 8% e Celular 7%.

É óbvio que a muita diferença entre as culturas e principalmente a diferença econômica entre os países, pois não podemos esquecer que ainda somos um país de 3º mundo.  Mas é inevitável a venda de produtos com personalidade já que estamos começando nossa 3ª fase agora aqui no Brasil.

Categorias:

Futuro, Negócios, wb4b

Relacionados:

Submarino.com.br

Um comentário sobre “Resposta: Produtos com personalidade vendidos online.”

  1. Lucia Prizma escreveu:

    Boa Tarde, é mais uma pergunta do que uma opinião: tenho um tempo livre e gostaria de estender meu trabalho via online. Hj faço trabalhos com captação de clientes. Isso poderá ser feito com livros web,etc. Grata Lucia

Deixe sua opinião:

Submarino.com.br

Explore o E-commerce Brasil